Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Os resultados deste inquérito dão à Médicos do Mundo e às entidades de saúde de Viqueque e Lautem pistas importantes sobre as áreas mais carenciadas, onde devem ser concentrados esforços.


A Médicos do Mundo (MdM) realizou, entre Agosto 2012 e Março 2013, um inquérito sobre os "Conhecimentos, Atitudes e Práticas (CAP)" da Saúde Materno-Infantil, com especial ênfase na Nutrição e Imunizações, dirigido a mães de crianças entre os 0 e 24 meses, nos distritos de Lautem e Viqueque, Timor-Leste.
 
Este inquérito insere-se no âmbito do projecto “Comunidade Saudável”, cujo objectivo é reduzir a taxa de mortalidade e morbilidade materno-infantil naqueles dois distritos, aumentando o acesso a serviços de saúde na comunidade. Com este fim, as equipas MdM estão diariamente no terreno a apoiar os médicos, enfermeiros, parteiras e promotores de saúde familiar que trabalham no Serviço Integrado de Saúde Comunitária (SISCa).
 
Esta recolha de dados foi fundamental, uma vez que suporta o sistema de informação do projecto, o qual, para além de poder dar informações úteis e pistas de intervenção aos diferentes prestadores de cuidados de saúde dos distritos de Viqueque e Lautem, permite ainda (re)configurar a intervenção da MdM e efectuar uma análise comparativa, no final do projecto em 2014.
 
Saneamento, Vacinação, Nutrição, Conhecimentos e Práticas sobre Malária e Febre, sobre Doenças Respiratórias Agudas e sobre Doenças Diarreicas foram as cinco grandes áreas onde incidiu o inquérito. Dos resultados, salienta-se, por exemplo, o elevado número de agregados familiares que ainda não têm casa de banho (52% em Viqueque e 50% em Lautem) e a grande percentagem de crianças em situação de malnutrição grave (37% em Viqueque e 30% em Lautem). Pela positiva, destaca-se ainda o número de crianças entre os 12 e os 24 meses com esquemas de vacinação completos (79,4% em Viqueque e 87% em Lautem).
 
O projecto “Comunidade Saudável” é financiado pela Comissão Europeia, pelo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, pela Fundação Calouste Gulbenkian e pelo Ministério da Saúde de Timor-Leste, através do Health System Strategic Plan – Support.
 
Testemunho
“Os resultados mostram-nos que há evolução em algumas áreas, sobretudo na vacinação. No entanto, temos de continuar a dirigir os nossos recursos e energias para a nutrição e higiene/saneamento, onde existem carências enormes. São resultados que nos desafiam a melhorar e aprofundar a intervenção de MdM nos distritos de Lautem e Viqueque e que lançam pistas para futuros projectos.”
 
Hugo Jorge, Representante País/Coordenador do projecto “Comunidade Saudável” (até Maio de 2013)

Crédito foto: Arquivo MdM

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:02



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D