Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dia Mundial de Ajuda Humanitária

por Médicos do Mundo, em 20.08.13
Confira aqui o depoimento da Joana Sanches, Coordenadora de Saúde da Médicos do Mundo em São Tomé e Príncipe ao CMTV (Correio da Manhã TV).


Saiba mais sobre este dia:


Dia 19 de Agosto, assinala-se o "Dia Mundial da Ajuda Humanitária". Esta efeméride nasce como forma de recordar, mas também homenagear os trabalhadores humanitários que perdem a vida no exercício das suas funções.


Este ano, o Dia Mundial da Ajuda Humanitária assinala o 10º aniversário do ataque ao escritório das Nações Unidas em Bagdad, que vitimou o Representante Especial Sérgio Vieira de Mello e outros 21 colegas e parceiros das Nações Unidas. Essa tragédia foi um dos aspectos que inspiraram esta data.


Sérgio foi um firme defensor dos valores e da missão das Nações Unidas. Tocou a vida de todas as pessoas que o conheceram e ajudou milhões de pobres e pessoas vulneráveis numa vida consagrada ao serviço da Organização em diferentes continentes. A sua morte foi uma grande perda para as Nações Unidas, mas o seu legado motivou muitas pessoas a dedicar-se ao trabalho humanitário.


Como é sabido, o trabalho de intervenção humanitária tem vindo a emergir como uma das mais perigosas profissões do Mundo. Sequestros, tiroteios e ameaças de morte são parte da descrição do dia-a-dia em locais como o Afeganistão, o Sudão, a Síria, a Somália e tantos outros assolados por conflitos.


Este ano, a campanha do Dia Mundial da Ajuda Humanitária pede às pessoas que respondam à questão: “De que é que acha que o mundo necessita mais?”. O objectivo é incentivar as pessoas, em toda o Mundo, a irem a http://worldhumanitarianday.org/ e a dizerem, numa palavra, o que pensam.


O poder das palavras vai expressar universalmente o elemento que falta às nossas necessidades mundiais.


A Ajuda Humanitária é também um dos pilares de intervenção da Rede Internacional de Médicos do Mundo, através das suas 15 delegações espalhadas pelo Mundo. Neste sentido, a delegação portuguesa já desenvolveu missões humanitárias nos seguintes países: Afeganistão, Guiné-Bissau, Haiti, Iraque, Moçambique, Sri Lanka, Timor-Leste, São Tomé e Príncipe. Nesses países a MdM concedeu ajudas de carácter urgente às populações, em regiões afectadas pela fome, guerra, epidemias ou catástrofes naturais.


Pesquise mais informações de interesse aqui.

publicado às 12:45


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D